Sobre atividades não presenciais durante a quarentena COVID-19
 
A Direção do IBRAG esclarece que, no intuito de minimizar os impactos da quarentena, os alunos  do curso presencial poderão receber materiais visando à complementação e consolidação de conteúdos, sem a conotação de substituição das aulas previstas em cronograma e considerando a limitação de recursos tecnológicos que muitos possam ter.
 
Em nota de 23/03/2020, os Pró-reitores da UERJ informaram a não adoção de EAD na Educação presencial da UERJ, sendo esta somente executada nos Cursos em que já é feita. A mediação tecnológica poderá ocorrer como forma de interação, sem a obrigatoriedade disciplinar, incluindo avaliações e frequência.
 
Reiteramos o acompanhamento de informes no site da Universidade (https://www.uerj.br/).

 

 

Alunos de PG com experiência em biologia molecular - testagem COVID19
 
Encaminhamos abaixo a solicitação de divulgação pela PR2-UERJ e pela Direção do CBI, a pedido do Prof. Luís Cristóvão Porto, coordenador do Laboratório de Histocompatibilidade e Criopreservação - HLA (DHE/IBRAG):
 
"O Laboratório de Histocompatibilidade e Criopreservação estará envolvido na realização da testagem por PCR para o COVID19 em parceria com o LACEN (Laboratório Central Noel Nutels). A partir de segunda-feira a PPC realizará a coleta dos exames para a população atendida no HUPE-PPC (desde ontem estamos coletando amostras de pessoal da UERJ), pela equipe coordenada pelo Prof. Rogerio Rufino.
 
Solicito divulgar para os interessados a possibilidade de nossos pós-graduandos com experiência em biologia molecular para atuação como técnicos especializados na realização do teste de PCR para o COVID19.
 
Daremos todo o treinamento, bem como estaremos atuando nas condições adequadas de biossegurança para a realização dos exames.
 
Inicialmente, já há uma demanda de 100 testes/dia projetada, e precisaremos de pelo menos 4 equipes com 3 técnicos para essa atividade.
 
Conto com a sua divulgação para os programas do Centro Biomédico e que possam demostrar interesse."
 
Os interessados podem fazer contato pelo e-mail do Diretor do Depesq/PR2/UERJ Alex Manhães: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

 

Suspensão de aulas e atividades acadêmicas

 

Diretoria de Comunicação da UERJ

 

Além das medidas preventivas de enfrentamento da pandemia de coronavírus já anunciadas, a Universidade do Estado do Rio de Janeiro, conforme recomendação da Comissão de Acompanhamento da Progressão do Coronavírus no Âmbito da Uerj e determinação do Governo do Estado, decide suspender por 15 dias, a partir de 16 de março de 2020, todas as modalidades de aulas e demais atividades acadêmicas.
 
Será garantido o funcionamento do Hospital Universitário Pedro Ernesto (Hupe) e da Policlínica Piquet Carneiro (PPC).
 
Por ora, as atividades administrativas ficam mantidas, recomendando-se às unidades acadêmicas e administrativas especial cautela quanto aos seus profissionais pertencentes aos atuais grupos de risco: idosos maiores de 60 anos, imunossuprimidos, gestantes, nutrizes e portadores de doenças crônicas descompensadas.
 
A Reitoria e a Comissão de Acompanhamento da Progressão do Coronavírus no Âmbito da Uerj permanecem atentas à evolução do quadro, às recomendações das autoridades sanitárias e às medidas administrativas do Estado, prontas para o anúncio de novas providências que se fizerem necessárias.
 
Rio de Janeiro, 13 de março de 2020.
 
Reitoria da Uerj 
 
Acesse regularmente o site da UERJ para manter-se atualizado.
 
Orientações atualizadas
 
A Uerj criou uma comissão para definir protocolos de ação em relação ao coronavírus. O grupo, coordenado pela Vice-reitoria e formado por profissionais das áreas de Saúde, Educação e Comunicação, vai se reunir periodicamente, a fim de monitorar o avanço da doença no Estado do Rio de Janeiro, detectar precocemente qualquer caso suspeito nos campi e manter a comunidade acadêmica informada.
 
A Comissão de Acompanhamento da Progressão do Coronavírus no Âmbito da Uerj recomendou as seguintes medidas, que foram homologadas pela Reitoria.
 
MEDIDAS DE CONTINGÊNCIA DA COVID-19 INDICADAS NO ÂMBITO DA UERJ
 
 A Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), comprometida com o bem-estar de sua comunidade, vem estabelecer as seguintes medidas preventivas no enfrentamento da pandemia de Covid-19, na atual conjuntura.
 
Determinações para a comunidade universitária em geral:
 
  • As viagens não essenciais de docentes, alunos e técnicos-administrativos deverão ser canceladas;
  • Os eventos acadêmicos, científicos, administrativos, culturais e artísticos, tais como shows, exposições, aulas inaugurais, solenidades de posse e homenagens, estão suspensos;
  • A ventilação natural em detrimento do uso de ar condicionado nas salas e ambientes universitários deverá ser adotada sempre que possível;
  • A lavagem frequente das mãos com água e sabão deverá ser incorporada às práticas diárias e recomenda-se a higienização com uso de álcool em gel 70%;
  • Mantenha-se informado por meio dos canais de comunicação oficiais da Uerj, evitando alarmismos e a disseminação de fake news.
 
Determinações para quem retornou de viagem:
  •  
  • Se o indivíduo estiver assintomático, manter quarentena domiciliar de sete dias. Haverá um formulário on-line disponibilizado em breve, que deverá ser preenchido e enviado, sendo a documentação comprobatória (bilhete aéreo ou outro documento que comprove a viagem) entregue ao fim da quarentena na sua unidade;
  • Caso a pessoa apresente sintomas, a recomendação é manter quarentena domiciliar de 14 dias e dirigir-se a uma unidade de saúde imediatamente. Haverá um formulário on-line disponibilizado em breve, que deverá ser preenchido e enviado. Ao fim da quarentena, os alunos deverão apresentar a documentação comprobatória (bilhete aéreo ou outro documento que comprove a viagem, mais atestado médico ou exame médico) na sua unidade acadêmica. Já os servidores, ao fim da quarentena, deverão agendar perícia médica no Dessaúde presencialmente ou pelo telefone 2334-0187 e, na data agendada, apresentar a documentação comprobatória (atestado médico, AIM e outros necessários).
Determinações para quem teve contato com casos confirmados, prováveis ou suspeitos:
 
  • Se o indivíduo estiver assintomático, a recomendação é manter quarentena domiciliar de 14 dias. Haverá um formulário on-line disponibilizado em breve, que deverá ser preenchido e enviado, sendo a documentação comprobatória (atestado médico da pessoa com quem teve contato) entregue ao fim da quarentena na sua unidade.
  • Caso a pessoa apresente sintomas, a recomendação é manter quarentena domiciliar de 14 dias. Haverá um formulário on-line disponibilizado em breve, que deverá ser preenchido e enviado, sendo a documentação comprobatória (atestado médico da pessoa com quem teve contato) entregue ao fim da quarentena na sua unidade. Ao fim da quarentena, os alunos deverão apresentar a documentação comprobatória (atestado médico ou exame médico) na sua unidade acadêmica. Já os servidores, ao fim da quarentena, deverão agendar perícia médica no Dessaúde presencialmente ou pelo telefone 2334-0187 e, na data agendada, apresentar a documentação comprobatória (atestado médico, AIM e outros necessários).
Tais medidas entram em vigor na data de hoje e serão atualizadas de acordo com as orientações dos órgãos de saúde e a avaliação da Comissão de Acompanhamento da Progressão do Coronavírus no Âmbito da Uerj.
 
Rio de Janeiro, 13 de março de 2020.
 
Aprovado pela Comissão de Acompanhamento da Progressão do Coronavírus no Âmbito da Uerj e homologado pela Reitoria.
 
Treinamento e leitos isolados no Hupe
 
O Hospital Universitário Pedro Ernesto traçou estratégias para avaliação e assistência de pacientes com suspeita da doença. A unidade não dispõe de emergência, mas aqueles que chegarem encaminhados pelas unidades básicas de saúde passarão por triagem no plantão geral, logo na entrada do prédio. Se houver necessidade de internação, cinco leitos isolados já estão prontos: três quartos, um no CTI e um materno-infantil – destinado especialmente a mulheres grávidas. Outros 12 leitos estão sendo preparados.
 
A equipe vem sendo treinada para identificar critérios clínicos (sintomas como febre, tosse e dificuldade para respirar) e epidemiológicos (histórico de viagem para área com transmissão local ou contato com caso suspeito). Além disso, cartazes sobre formas de se evitar o contágio foram espalhados em toda a unidade. Para garantir a assepsia das mãos, foram adquiridos 850 frascos de álcool-gel 70%.
 
Informação é o melhor remédio
 
Além de se prevenir contra o novo coronavírus, é necessário se proteger também das fake news. E a melhor forma para isso é buscando informações de fontes confiáveis.
 
O Ministério da Saúde desenvolveu um site e um aplicativo para celular (Android e IOS) com todas as informações sobre o novo coronavírus. Nas duas plataformas, você pode tirar dúvidas e ter acesso a um vasto material, como: notícias, cartilhas, vídeos e artes para compartilhar com amigos nas redes sociais.
 
 
Separamos algumas orientações para você, mas não deixe de acessar o site e baixar o aplicativo disponível gratuitamente no GooglePlay e na AppStore. Você também pode tirar dúvidas pelo Disque Saúde, ligando para o número 136.

 

Orientações sobre atividades - coronavírus  

 

Com a classificação de pandemia pela OMS e a confirmação de transmissão local do coronavírus no estado do Rio de Janeiro, há uma crescente preocupação da população e de todos nós no ambiente universitário. A UERJ já disponibilizou em sua página informações sobre prevenção (https://www.uerj.br/noticia/10477/) e criou uma comissão para acompanhamento da evolução da doença no estado.
 
Em consonância com as medidas que vêm sendo adotadas em outras Instituições de ensino no Brasil e em outros países, sugerimos que os docentes já preparem atividades e viabilizem a disponibilização de material de estudo (capítulos de livro, artigos etc..) para que as atividades acadêmicas básicas possam ser mantidas em um eventual cenário de suspensão temporária de aulas presenciais.
 
Estamos à disposição para informações adicionais. 
 
Direção IBRAG

 

Nos dias 23/09/19 e 21/10/19 foi apresentado o relatório final de gestão com uma síntese das principais ações nos mandatos de 2012 e 2016. O relatório da primeira gestão foi apresentado em 14/10/15.

 

Link do material

 


 

Nota de Esclarecimento  

 

No intuito de atender os interesses dos alunos do curso de Biologia, o CABIO divulgou em suas redes sociais, no dia 31/05/2019, uma nota baseada em informações encaminhadas sob sigilo ao DISK-CABIO sobre o comportamento inadequado de um professor da Disciplina “Genética de Populações”, sobre a qual a Direção do IBRAG considera importante prestar os seguintes esclarecimentos:
 
  • A postagem da nota foi realizada quase que simultaneamente ao envio do material à Direção da Unidade (sexta-feira, após as 18h), sem que aguardassem um retorno sobre o recebimento da notificação do ocorrido e o devido encaminhamento;
  • Após ciência pela Direção do IBRAG, foram agendadas reuniões com o docente, o CABIO e a turma, para obter as versões dos envolvidos;
  • Segundo os relatos do docente e da turma, observou-se que, embora o docente tenha sido infeliz no uso dos termos e exemplos, o texto publicado não retrata fielmente a fala do professor em sala de aula.
 
  Dessa forma, as providências foram tomadas pela Direção, em comum acordo com a turma envolvida, e a situação relatada em Conselho Departamental.
 
  Obs: Esta nota de esclarecimento seria a última etapa das ações acordadas e deveria ter sido elaborada juntamente com o CABIO, que não retornou com o conteúdo e nem com os relatos que receberam por escrito. Por isso, a divulgação está sendo feita pela direção.

 

Bolsa Permanência para Alunos de Graduação